Simone-Silva---Materia-Principal-1140-x-500

Simone Silva, nome forte nas comunidades de imigrantes em Antuérpia

“Desistir nunca foi meu forte, nasci com alma guerreira revestida de fé”.

No meio da crise do Covid-19, um empreendimento surge fortemente com sucesso em Antuérpia: Café e Snack Bar Brazil.

Podemos dizer que é uma extensão do Café Brazuca por ser da mesma proprietária, mas tem seu diferencial por ser o primeiro Café e Snack Bar brasileiro em Antuérpia.

A proprietária é Simone Silva, mineira da cidade Poços de Caldas. Veio para a Bélgica com 19 anos, completando 28 anos que habita em Antuérpia. Ela trabalhou muito para chegar a um legado e ter atualmente estes dois empreendimentos, sendo o Café Brazuca, que existe há 20 anos, e o recente Snack Bar Brazil.

“Simone do Brazuca”, assim como muitos a chamam, é conhecidíssima e estimada pelos clientes. No dia 11 de julho, aconteceu a abertura oficial, onde foi notória essa estima, pois ela foi prestigiada por cerca de 500 amigos clientes que passaram durante o dia e parte da noite no Snack Bar Brazil.

“Nossa, eu fui realmente surpreendida. Superou além das minhas expectativas. Muita gente mesmo, graças a Deus. Eu fiquei feliz, claro. Não pensei que fosse essa loucura boa”, afirmou Simone, satisfeita com o prestígio que ela nem mesmo imaginava.

Onde fica em Antuérpia?

O bar é localizado na Praça São João (Sint-Jansplein), no norte de Antuérpia, conhecida como praça dos portugueses, no quartier 2060 na rua Lange Dijkstraat 1. É muito fácil a localização, porque é próximo do Café Brazuca, sendo apenas 50 metros, na mesma calçada, em frente à praça.

AB – Por que abriu muito próximo?

Simone – Porque eu queria ter um diferencial um do outro; sendo um café e o outro Snack e Bar, com conceitos diferentes, tendo um vasto cardápio de lanches, salgados, sopas, o tradicional açaí e com a novidade, que é a máquina de moer cana, tendo o caldo de cana e pastel frito na hora, comidinhas de snacks, porções, tortas, bolos, e, aos fins de semana, prato do dia. Já no Brazuca é mais um bar café.

Futuramente, quando passar essa crise, e o atendimento estiver normal, estamos pensando em colocar o churrasco no espeto e buffet, porque o espaço tem comodidade com 130 m², então podemos trabalhar com mais este diferencial para almoço e jantar, estou ainda estudando esta possibilidade.

E também pela facilidade de estar presente nos dois locais instantaneamente. Isso sempre foi minha vontade. Eu sinto a necessidade de estar presente ajudando no atendimento, pois gosto de ter a proximidade com a clientela.

AB – Explique sobre a decoração:

Simone – Eu coloquei um estilo tropical bem Brasil, minha parede está linda. A planta, os detalhes, eu mesma pensei e fui transformando. Foi prazeroso, saiu como imaginei. Claro que tive uma grande ajuda do meu genro Filipe e minha filha Thary Giulia, meu namorado José Cleudo, da Cláudia, funcionária do Brazuca, do meu amigo Inhoque e várias outras pessoas. Coitados, eles foram pacientes pra caramba, conseguiram suportar meu nervosismo e gritos.

Desde já os peço desculpas por escrito e pessoalmente. Obrigada de verdade. Mas, no final, atrás dos bastidores, tudo deu certo, graças a vocês!

AB – Qual sentimento teve na abertura?

Simone – Foi sensacional, uma mistura de sentimentos. Eu fiquei nervosa, orgulhosa, cansada, emocionada, mas no geral, foi super gratificante, principalmente ouvir tantos elogios concedidos pelo espaço, que foi feito com muito carinho.

Minha vida, meu esforço…

Simone é mãe de três filhos, que são Thary Giulia, Dave Júnior e Gabriel Franco, e vó de dois netos, Gustavo e Lis.

“Mais do que um milagre, todos são a razão da minha felicidade. Amo os meus filhos e netos e dedico todo esse esforço a vocês”, define Simone com um amor incondicional à família.

Gratidão

A Deus, que nunca me deixou na mão.

Assim diz José…

José Cleudo Feliz Silva é da cidade de Governador Valadares – Minas Gerais, e mora na Europa há 18 anos; veio de Portugal para Antuérpia há 5 anos e conheceu Simone em seu café, e logo já começaram a namorar.

AB – Como você vê Simone?

José – Uma mulher de fibra, tem força, sensibilidade, perfeccionista e guerreira. Ela é mulher de verdade. Não só eu vejo, mas os que a rodeiam sabem. Às vezes, nervosa, mas faz parte de toda mulher empreendedora, isto é compreensível, vendo por este lado.

Eu já acostumei com o ritmo que ela leva no trabalho, mas ela sabe conciliar o tempo e a família.

AB- Mensagem para ela. Ou uma proposta de casamento?

José – Não seria bem uma mensagem. Eu penso que para o ano que vem, nós podemos nos casar. Sabe aquela frase que o padre diz, na alegria e na tristeza, na doença e na pobreza, pois é, eu hoje falo isto. Eu não preciso oficializar para dizer essa frase. Quero que ela saiba que pode contar comigo, amando e a respeitando e ajudando nas dificuldades. É para sempre, porque não vejo motivo para que isso não aconteça. Eu estimo suas qualidades e compreendo seus defeitos, então registro estas palavras, pois tenho amor sincero e respeitoso por ela.

Meus parabéns, não apenas pelo novo Snack, mas por todos os anos que dedicou seu trabalho, eis que você está a colher os frutos com muito orgulho. Isso é muito bom e gratificante, fico feliz por você!

Por Ângela Piqui – Foto Viviane Godinho

AÇOUGUE COSTELA

Fácil acesso. 

à 5 minutos da Gare du Midi, em Saint-Gilles.

Espaço moderno de 130 m2.

Estacionamento privado com 8 lugares.

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba conteúdos como este diretamente no seu email!

Receba conteúdos como este diretamente no seu email!

Fechar Menu

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.