Festa Embaixada -Bruxelas

Neste ano, a comemoração dos 197 anos da independência do Brasil fez a diferença!  

Depois de alguns anos que essa data é comemorada na residência oficial do Senhor Embaixador, com certeza, o evento realizado na data de 9 de setembro obteve um sucesso memorável. Isso ficou notório para os que estiveram presentes, relembrando as comemorações expressivas e significativas da época da ilustre figura da cultura e da diplomacia brasileira, o Embaixador José Jerônimo Moscardo de Sousa. Bons tempos que somente agora retornam em missão oficial do Senhor Embaixador do Brasil Haroldo de Macedo Ribeiro e da Embaixatriz Maria Emília Diniz Papini Ribeiro. Com o Embaixador do Brasil junto à União Europeia Marcos Bezerra Abbott Galvão, a Embaixatriz Ana Maria Bueno Doria Abbott Galvão, e o Embaixador José Humberto de Brito Cruz – Cônsul Geral do Brasil em Bruxelas, eles receberam para o coquetel, com muita simpatia, membros do corpo diplomático brasileiro; embaixadores da América Latina; parlamentares, oficiais e comandantes das forças armadas e adidos; o presidente da Câmara de Comércio Belgo-Luxemburguesa-Brasileira; membros da comunidade brasileira e representantes do mundo acadêmico, empresarial e cultural. 

O Hino Nacional do Brasil foi executado num momento que marcou realmente a festividade, pois ele representa a nossa nação, exaltando fatos da nossa história. Ele simboliza todas as nossas lutas, carrega a identidade de um povo e a grande responsabilidade de ser o porta-voz da nação brasileira para o restante do mundo. A música popular brasileira prosseguiu na noite, alegrando os convidados. As embaixatrizes Maria Emília e Ana Maria foram “sambistas” constantes e animadas. O tradicional acarajé da Marli foi preparado na hora. A caipirinha também não faltou. Em todos os pontos, a festa foi muito positiva! 

Parabéns, Embaixador Haroldo, não somente pelo evento, mas também pelo trabalho realizado. Pelo pouco que o conheço, já deu para perceber que, com certeza, o Senhor fará jus, durante os anos que permanecer na Bélgica, ao título de Chefe de uma Missão Diplomática que lhe foi conferido, fortalecendo as relações de cooperação e de amizade entre os dois países. 

Por Angela Piqui 

Compartilhe esta notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Receba conteúdos como este diretamente no seu email!

Receba conteúdos como este diretamente no seu email!

Fechar Menu

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.